A Hiperactividade vista à lupa

Segunda-feira, 22 de Setembro de 2014

 

 

que fala da adaptação (inicial) do mais novo à nova vida escolar

 

 

 

imagem da net

 

Como sabem os que por aqui passam, este ano letivo trouxe muitas novidades ao meu caçula! O Quico ficou retido no segundo ano do ensino básico, depois de um período de grande stress e de muita luta por apoios educativos eficazes para minimizar as caraterísticas da sua PHDA.

 

A minha opção por um estabelecimento de ensino privado não foi tomada de ânimo leve, até porque não conhecendo em primeira mão a experiência de ter um filho na escola privada, esperei sempre encontrar respostas adequadas na escola pública! mesmo sabendo das limitações impostas por regras e conceitos economicistas e que em muito privam de recursos humanos e financeiros o nosso sistema público.

 

Agora que os primeiros dias já passaram e a natural euforia começa a acalmar, posso dizer que a transição foi tão tranquila como é possível ser numa criança com PHDA. Embora nervoso e oscilando entre o totalmente eufórico com os novos amigos e a relutância em cumprir novas regras, o Quico foi-se integrando e melhor do que isso, foi-se incluindo, sendo incluído por todos dentro daquele estabelecimento! desde a professora, aos amigos e passando pelas auxiliares, todos se comprometeram em adoptar o Quico sem reservas, mostrando-lhe que aquela é a sua escola! 

Desse empenho os resultados são visíveis! a sua atitude perante a escola mudou radicalmente - sai de casa com um sorriso e chega com um sorriso. Não se atrasa a vestir o uniforme pela manhã, mostra querer chegar sempre a horas, acolhe-me com um «oh mãe já vens??? queria ficar mais tempo!!!» quando à tarde o vou buscar...melhor é impossível!

 

A professora considera que o Quico, com a ajuda da medicação, tem o ritmo adequado de trabalho e que apesar das lacunas na aprendizagem vai conseguir ultrapassar as dificuldades com ajuda mais individualizada! Já se mostra mais confiante pois consegue realizar as tarefas (algumas vezes, como no caso da matemática e estudo do meio) sem ajuda, o que o motiva e eleva a sua auto estima. Encorajado por todos, tem sido mais participativo o que o ajuda a resolver os seus problemas de timidez. Claro que há ainda muitas arestas a afinar mas o caminho parece estar mais desimpedido agora!

 

Estou muito satisfeita com a abertura que a Escola demonstra ter e com as propostas educativas que me apresentaram. Até o facto de as crianças terem um apoio extra no final do período da componente letiva, o que permite a realização de trabalho mais individualizado e a não existência dos famigerados TPC! também não existem as tais «bolinhas» vermelhas para punir um comportamento desadequado pois a escola promove um conjunto de regras que exigem uma maior responsabilização de todos, educando pelo exemplo e usando os mais velhos para incentivar os mais novos. O Quico fica muito contente por estar no segundo ano e assim dar «ajudas» aos da pré e do primeiro ano!

 

As atividades extra curriculares são uma aposta da escola e permitem uma gestão do tempo muito mais adequada que na escola pública. Daí que daqui a algum tempo farei um post sobre o assunto.

 

Por enquanto fica a certeza de estar a iniciar uma nova etapa e que os desafios serão necessáriamente diferentes, podendo concentrar-me muito mais no que interessa - a educação do meu filho!

 

 

postado energia-a-mais às 11:45

Quinta-feira, 11 de Setembro de 2014

 

 

em miúdos com PHDA, tranquilidade no regresso às aulas é algo que demora tempo e muita paciência (de pais e educadores)

 

Se para todos as outras crianças ditas «normais» já é complicado por vezes lidar com este retorno depois de tantas férias, imagine-se o que se passará numa cabecinha sempre a mil! o grau de ansiedade, o aumento das instabiliadde de humor, a dificuldade em regressar às rotinas e tudo o que faz parte desta época!

 

Para pais como eu, que tenho de lidar com este acréscimo de atenção e stress, algumas dicas (e por favor, quem tiver outras para partilhar, agradeço que as deixem por cá também {#emotions_dlg.smile})

 

 

Se a criança está a fazer medicação mas interrompeu no período de férias, não esquecer de introduzir novamente antes uma semana do início das aulas para que o organismo se habitue gradualmente. 

Insisto na ajuda preciosa das listas e de como a preparação diária das tarefas simplificam e evitam muitas das crises (birras) comuns a estes dias. Faça listas com a ajuda da criança e seja persistente na sua utilização!

A regulação do sono é fundamental, o horário de dormir deve ser cumprido rigorosamente! muitos pais acham que deitar cedo é ir para a cama à meia noite (!).  Em tempo de escola cá em casa nunca ultrapassamos as 22h30, mesmo com dois miúdos com PHDA e um deles com perturbação do sono diagnosticada aos 4 anos - esse é ajudado com medicação mas as rotinas de deitar são sempre a principal ajuda! Ter rotinas definidas e mesmo certos rituais a cumprir faz com que a hora de ir para a cama seja encarada com mais naturalidade - demora tempo a implementar (garanto) mas consegue-se! e a saúde de todos agradece!

Uma coisa que deve tentar sempre é antecipar as escolhas de roupas e lanches para a noite anterior. Deixar tudo pronto para na manhã seguinte ser mais fácil e mais cómodo para todos. No meu caso, foi preciso ajuda extra para que a hora de vestir não fosse um tormento sem fim (e posso garantir que quando digo tormento, é porque não encontro melhor palavra....durante muito tempo!). Fazer o Rafa obedecer à simples regra de vestir as peças de roupa ordenadamente obrigou-me a procurar estratégias mais originais. Os bonecos de feltro com roupa que se pode colar com velcro ajudaram imenso! são uma espécie de treino para estas crianças - saber que peça de roupa vestir, por que ordem e não esquecer nenhuma parte fundamental! garanto que funcionam.

Outra ajuda são os relógios de tarefas como este que desenhei para o Quico (obrigada Mafalda Queiroz pela dica e pela ajuda na construção). Uso imagens porque para ele é muito mais simples de entender (dado as suas dificuldades na leitura - aqui o importante é simplificar!). Um relógio que tem como função mostrar as mais importantes tarefas do dia (em casa) e cujos ponteiros é ele que vai mudando

 

  

 

Para crianças mais velhas (como no caso do Rafa) podem usar-se chek lists que se podem atualizar sempre que necessário (por exemplo para introduzir tarefas de responsabilidades - caso de arrumar o quarto, limpar a mesa, levar o lixo lá fora, etc.)

Não se esqueça também de reorganizar o espaço para estudo (se necessário) limpando tudo o que se foi acumulando em férias e proporcionando um ambiente acolhedor e mais favorável aos trabalhos de escola. Coloque um quadro de cortiça para anotar recados, datas de exames (testes) TPC, tarefas e recompensas. Ajuda a criança com PHDA a manter o foco!

E não abdique do tempo de brincadeiras com o seu filho! o tempo que passa com ele quando está em casa é precioso e pode mudar a atitude com a escola para melhor! seja proativo e tome a iniciativa de participar nas brincadeiras. Não massacre com perguntas de «como foi a escola» mas guie as conversas de forma a saber o que por lá se passou sem ser estilo interrogatório! e se os primeiros dias não correrem assim tão bem, não desista! vai ter um ano inteiro para implementar estratégias diferentes, lembre-se que a persistência é a chave do sucesso com estes miúdos!

 

Bom regresso à escola!

 

 

 

postado energia-a-mais às 12:06

Segunda-feira, 08 de Setembro de 2014

 

Começa hoje uma nova etapa

 

Nova escola, novos amigos, novo método de ensino! Também para mim como mãe, vai ser uma nova fase. Ter um filho numa escola privada é novidade!

 

São novas as expectativas, embora moderadas quanto ao otimismo...se bem que entre o que se passou na escola pública até agora, no que diz respeito à inclusão do Quico e da sua PHDA, e o que poderá vir a acontecer numa escola privada, algumas diferenças espero vir a encontrar!

 

Por cá darei conta das novidades, sempre na esperança desta partilha também ajudar outros pais que se debatem com as «diferenças» das suas crianças e do exigente «padrão» da escola pública que no nosso pais deixa muito a desejar!

 

 

 

desejo a todos um bom regresso às aulas, aqui fica o nosso «adeus» às férias!

 

 

 

postado energia-a-mais às 11:38

mais sobre mim
que querem saber?
 
Setembro 2014
D
S
T
Q
Q
S
S

1
2
3
4
5
6

7
8
9
10
12
13

14
15
16
17
18
19
20

21
23
24
25
26
27

28
29
30


disseram agora
Gostaria de saber se conseguiu resultados com este...
Eu recebi pela primeira vez o abono no final do mê...
Boa tarde ,Inscrevi na semana passada a minha filh...
Obrigada. Espero conseguir. Bjs
Deve receber de facto agora em Janeiro os valores ...
Eu em Julho de facto recebi a 27 no entanto apenas...
Olá Marlene, o abono semestral (se a mãe tiver ren...
Boa tarde. O dr. Luís dá consultas em braga, aveir...
Boa tarde, é possível dizer-me onde dá consulta o ...
Olá,Desculpe intrometer-me mas será que me podia f...
links
Passam por cá - desde 18/11/09
Os que me visitam
Passam por cá - desde 18/11/09
subscrever feeds

blogs SAPO


Universidade de Aveiro