A Hiperactividade vista à lupa

Domingo, 01 de Setembro de 2013

 

 

por uma semanita, a contar religiosamente desde hoje {#emotions_dlg.sleeping}

 

 

postado energia-a-mais às 12:29

Quarta-feira, 01 de Agosto de 2012

 

 

apenas para agradecer os miminhos deixados nos comentários e dizer que fico super feliz por saber que continuam a partilhar os nossos momentos

 

para mostrar um pouco do que foi possível aproveitar de um dia vivido (como era de esperar) a mil, tanto pelo aniversariante como pelo mano mais velho 

 

 

 

aceitando a sugestão dada pelo próprio interessado, acabei por aproveitar o dia de aniversário para lhe oferecer uma ida ao cinema (que serviu também para fazer o Rafa participar) com direito a menu completo. E fomos ver o maravilhoso

 

 

 

 uma loucura! adoramos e recomendamos 

 

Para a família (entenda-se os que estão sempre por cá) ficou reservada a festa da praxe para que o Quico soprasse a velinha. Claro que tentei manter o tema que pediu - dinossauros - e todos colaboraram. Este foi o resultado (faltaram os morangos porque não os consegui encontrar com a qualidade necessária mas tudo o resto estava no bolo - o chocolate em pepitas na massa e as natas batidas a cobrir lol)

 

 

 

 

  

 

até nas prendinhas

 

 

 

 

 

e pronto, acho que conseguimos um dia inesquecível para ele, que afinal era o que mais importava! 

 

 

 

Tu vê lá o que fazes agora até aos 7 rapaz!

 

 

 

 

 

 

postado energia-a-mais às 09:11

Terça-feira, 10 de Julho de 2012

 

 

ou o retrato possível do verão possível...

 

podia falar de muita coisa. Tanto que tem acontecido nesta sucessão de dias em que tenho andado menos assídua por cá. Podia descrever muitas cenas desde as mais doidas às mais originais. Retratos de uma vida tocada pela PHDA. Qualquer que seja o cenário, a perturbação do Rafa continua a ser a principal tela onde se misturam as mais variadas cores, os mais diferentes tons, os traços mais vincados.

 

Mencionei por alto no post anterior que o pai está por cá estes dias. Um acidente (não grave do ponto de vista físico) acabou por «obrigar» a férias antecipadas - só as esperávamos a quatro lá para finais de julho. Aliás esperava colocar o Rafa num campo de férias (tanto para o ocupar como para me desocupar a mim por um par de horas por dia) e esperava fazer o Quico participar nas idas à praia com o CAF da pré. Mas as voltas da vida trocaram-me os planos (como se isso já não fosse algo habitual puff...). Portanto mais cedo que o previsto vi-me com os três homens da minha vida ao mesmo tempo no mesmo espaço. Sem actividades planeadas e sobretudo sem a minha preparação mental. Garanto que isso faz toda a diferença para o retrato final.

 

Deixei-me guiar ao sabor dos dias (e guio-me como os antigos, olhando pela janela de manhãzinha - se o sol espreita ou se está envergonhado, para assim decidir se saímos ou ficamos dentro de portas) que tanto podem começar com uma birra monumental como com um vendaval de vozes, correrias e gritos por entre espadas, escudos e pistolas de brincar. Quase sempre seguimos o ritmo alucinante dos miúdos e acabamos por fazer mais num único dia, que muita gente fará em todo o verão - exemplo? podemos fazer os 2800 km de parque biológico de Gaia, ver todas as criaturinhas que por lá circulam em semi liberdade, visitar as exposições patentes, fazer o percurso das quintas, olhar pelos binóculos até o mais pequeno insecto

 

 

e mesmo assim, chegar a casa, fazer o jantar enquanto eles montam um cenário de índios, dar banhos como se estivéssemos a assistir a competições olímpicas de mergulho (com apetrechos apropriados e tudo) e ainda dar uma volta pela cidade em bicicleta, terminando a noite com o verdadeiro espírito guerreiro em alta - sendo que eles nos declaram guerra sem tréguas porque simplesmente não querem ir para a cama...

 

E o que dizer do retrato de um típico dia em casa - depois de decidir-mos por entre muita discussão entre irmãos qual o filme que vamos ver, as pipocas divididas até ao último grão de milho, as bebidas religiosamente verificadas (não vá um copo estar mais cheio de chá gelado que o outro), os lugares ganhos quase em batalha campal - o melhor é sempre o lugar que pertence ao outro (mesmo que o sofá enorme possa levar com mais três pessoas) lá começa o fadário de ver e rever as cenas, na guerra por quem tem o comando, quem decide o volume do som, quem orienta a imagem (agora em versão LCD mini, pois que ainda não se prevê nova aquisição que reponha a que destruíram). Fatalmente o filme será interrompido mil vezes antes do fim, recomeçando sempre tudo de novo, enquanto o Quico assobia, grita estridentemente, salta por cima do sofá ou se posiciona em frente à TV e o Rafa grita histericamente, belisca o irmão, pontapeia tudo, manda calar aos berros, solta uns palavrões...Findo o período de histeria colectiva, pais e filhos olham uns para os outros, decidem que o filme já não interessa nada, calma relativa enquanto o mais velho muda o rumo do assunto arrastando o pai para o pc e o mais novo insiste em jogar às lutas ou brincar aos cães...

 

e lá vamos compondo este retrato que apesar de todas as nuances, tentaremos que tenha sempre bem delineadas as figuras principais!

 

 

 

 

 

postado energia-a-mais às 09:12

Sexta-feira, 03 de Dezembro de 2010

 

lá vão duas...lá vão três

 

tentativas de enfeitar a nossa árvore de Natal! mas pelo jeito que a coisa leva, acho que ainda não será desta...

 

Tal como manda a tradição cá de casa, o primeiro feriado de Dezembro é aproveitado para dar início nos enfeites natalícios. A coroa é colocada na porta da entrada, os adornos da lareira e outros são reaproveitados, alguns dos enfeites são feitos por nós e, momento alto para os miúdos - a árvore é montada!

Esta é uma tarefa que dá sempre para muita acrobacia, nunca se consegue montar nada sem a preciosa «desajuda» dos meus pestinhas, portanto, mal a árvore sai do seu resguardo...começa uma maratona de tropelias, autêntico teste supremo à paciência dos adultos e uma desvairada alegria para os putos!

 

juntar e experimentar as luzes, escolher os enfeites a colocar, destacar o que cada um faz (o ano passado por exemplo com a história de pintarem os bonequinhos, tive um inferno artístico ) e ao mesmo tempo tentar manter a árvore intacta, é tudo menos fácil! e nem vos passa o que tem sido com o Rafa a fazer estrelas em papel pintado e o Quico a construir anjos com copos de iogurte...

 

Pois à primeira tentativa de arranjar a árvore, logo os dois se «pegaram» por causa da disposição das bolas. O Quico colocou-as todas em filinha lol! e o Rafa quis trocar tudo de lugar. Segundo round - Quico põe fitinhas e Rafa joga futebol com as bolas maiores...

Terceira tentativa, Quico muda todas as fitinhas e encaixa algumas bolas usando um critério só dele conhecido -  já nem me importei muito...pois agora tenho de deixar esfriar o entusiasmo e voltar a tentar mais para o fim de semana - pode ser que consiga até colocar alguns enfeites sozinha (please!!!!)

 

Bem, entretanto houve o normal bulício da casa, sempre em alvoroço até tarde, ultimamente o Quico não tem dado descanso...asneira atrás de asneira, faz gato sapato da auxiliar e da educadora da pré, come cada vez menos, salta cada vez mais e penso que está a desenvolver cada vez melhor a técnica dos «ouvidos de mercador»! Chora imenso quando lhe aplico um castigo e mostra-se sempre muito «sentido» comigo, após cada ralhete mas a verdade é que lhe passa depressa demais!!!

 

O Rafa vibra agora com a possibilidade de ser um verdadeiro artista do tal parkour e insiste em fazer da minha cama um local de treinos! está muito matulão, cada vez mais mandrião para as tarefas de higiene pessoal o que me deixa em colapso nervoso...ter de andar duas horas para o levar a entrar na casa de banho, mais o esforço de o empurrar para a banheira...e de lhe lavar a cabeça, porque o resto tenho de o obrigar a lavar-se sozinho...e mesmo com tanto empurrão, tem dias que ele me ganha...e eu acabo por entrar na banheira primeiro!

 

Na noite de quinta feira estive mais uma vez numa reunião de pais com crianças portadoras de PHDA. Uma sessão que teve o efeito de me descontrair, depois de um dia (semana) com muito trabalho. Ainda bem que essa horinha com outros pais, falando das nossas vivências, serviu para eu recuperar alguma energia porque quando cheguei a casa tinha os meus rapazes em grande agitação e com muuuuuita necessidade de atenção. Por isso ainda tive de me desdobrar, de um lado o Quico, brincando a um hospital veterinário, em  que eu era o médico e ele transformava-se em vários animais que eu tinha de tratar - dinossauros, touros, ursos e cães grandes foram os principais...o pior é que sempre que eu lhes tratava das maleitas, o «animal» transformava-se no poderoso Hulk (nem mais) e eu tinha de fugir para não ser esmagada...Do outro lado o Rafa, saltando e fazendo o pino exigia que eu o admirasse, cronometrando o tempo em que conseguia manter-se nas várias habilidades, querendo que eu o imitasse em algumas delas....

 

eu sei...é sexta feira...haja forças para o fim de semana!

 

 

 

postado energia-a-mais às 09:15

Sexta-feira, 28 de Maio de 2010

 

 

pode estar nas mais pequenas coisas....

 

 

 

 

 

por estes dias a felicidade do Quico está em ficar em casa, fazendo o que mais gosta - brincar (o que, segundo um artigo publicado na revista Pais & Filhos de Junho, é precisamente o que faz as crianças felizes - pais por perto, amigos e brincar à vontade) nada mais simples!

 

Para mim, a felicidade é tê-lo bem disposto e definitivamente mais comilão - pela primeira vez, come tudo o que lhe apresento, sem resmungar e pede sempre mais!

 

Para o Rafa a felicidade tem periodos curtos mas sempre muito intensos - um jogo de futebol em que marcou 5 golos e a sua equipa ganhou por 8-7 fez o seu delírio de ontem!

 

Muitas vezes nem reparamos nestas pequenas coisas, de tão banais, transformam os pequenos nadas em grandes momentos!

 

Aproveitem bem todos os bocados de felicidade, até porque estamos a entrar em fim de semana - motivo para olhar com outros modos para o que nos rodeia!

 

 

 

 

 

 

postado energia-a-mais às 12:21

Segunda-feira, 10 de Maio de 2010

completa e merecida! hehehe....

 

de sábado:

 

foi um dia em cheio - não tanto pelos acontecimentos em si, talvez mais pelas emoções que despertou!

 

não serei eu a pessoa indicada para fazer essa avaliação mas considero que o seminário até correu bem...tirando o precalço inicial de termos tido um atraso na chegada da Linda Serrão e sua comitiva....mas isso são contingências a que nem sempre se pode fugir! Ora apesar do atraso o público foi fiel e podemos ter uma parte da manhã bastante animada - muitas questões e uma intervenção esclarecedora da psicóloga da APDCH.

 

Adorei ter conhecido finalmente esta mãe Anabela(abigai)   que foi fantástica na sua intervenção e que levou consigo um G. super querido e um marido empenhado e super simpático - são uma família maravilhosa! Obrigada por tudo

 

e tive muita pena de não conseguir grande tempo para aprofundar o conhecimento com esta mãe Cátia e seu marido, pois as solicitações eram muitas e  o tempo não permitia cafezinho sossegado....mas ficou a promessa de nos voltarmos a juntar para uma conversa descontraída - e vou cobrar!

 

De resto a tarde foi muito produtiva, a doutora Virgínia Monteiro foi uma escolha que não defraudou as expectativas. As doutoras Vanessa e Patrícia foram excelentes (como sempre) e a intervenção da nutricionista sendo a última da tarde, manteve a assistência até final

 

Fotos de tudo o que se passou ainda não tenho mas prometo colocar, assim que conseguir! e desculpem não dar uma visão mais realista, com mais detalhes - é que o cansaço foi-se apoderando...ainda não estou bem em mim....

 

e no Domingo - não há muito a dizer! meu coração é vermelho! lol

 

 

 

 

 

 

postado energia-a-mais às 09:23

Quinta-feira, 15 de Abril de 2010

 

os meus filhotes andam sempre muito à frente

 

O Quico ontem quis mostrar-me um «tabalho muito impotante!» que esteve a fazer enquanto eu supervisionei o banho do irmão

 

cortou em pedacinhos pequenos, vários papéis que encontrou nas gavetas «pukê?» mamã,

 

«é para o Carnaval! para mandar aos meninos....»

 

Hoje quis levar na cabeça o gorro do Pai Natal, para a escola e já pediu uma lista de brinquedos que devem fazer parte das pendinhas!

 

O Rafa é mais pela ansiedade - agora que a professora lhe explicou que vai mesmo aos campeonatos de matemática e que no dia 29 deve estar na escola pelas 08h30 para sairem para Aveiro, ele já marcou no telemóvel um lembrete para colocar o despertador a tocar e tem tanta dificuldade em adormecer que até tive de usar tampões para os ouvidos de tão farta estava de o ouvir repetir até à exaustão o que tem de fazer....

 

Mas giro mesmo, foi ver a birra do Quico (tal como as do irmão aos dois anos...) e a cena de pancadaria que nos queria inflingir quando lhe tive de mostrar que ainda não pode conduzir um carro, que não pode ser ele o motorista de serviço para nos levar à escola ou ao supermercado....passei quase uma hora para o tirar do carro, ontem depois do infantário!

 

 

postado energia-a-mais às 11:04

Terça-feira, 23 de Fevereiro de 2010

 

que fazem uma grande diferença

 

O Rafa tomou ontem (coisa que não acontecia quase há um mês) a medicação que o torna mais estável (concerta e risperidona), o que fez uma grande diferença

 

O Quico não se «molhou» na escola e ficou contente

 

Como de manhã o pai teve de se ir embora, os meninos tinham ficado muito tristinhos e para poder dar uns miminhos fiz um bolo e fui buscar o pequenino mais cedo

 

O mais velho foi foi ao treino no final das actividades extra mas como o tempo estava péssimo, vieram mais cedo embora

 

O jantar passou sem muita confusão e conseguimos deitar um pouco mais cedo que o habitual, contando histórias sobre trovões e dragões que cospem fogo no céu e são bonzinhos para os meninos

 

Pequenos nadas que nos podem alterar a vida, nem que seja por uns momentos!

 

 

 

sinto-me: na boa!
postado energia-a-mais às 10:03

Segunda-feira, 22 de Fevereiro de 2010

 

este fds, arriscamos fazer uma escapadela a 4....

 

 

não fomos longe...na verdade nem chegamos a sair daqui...estacionamos no campo de treinos do clube da terra e de lá só saímos com um dos miúdos histérico e a treinar o vocabulário calão, o outro a pedir pão com nutella e muita vontade de os esganarmos aos dois

 

O pai vinha determinado a usar isto

 

http://www.smartbox.com/pt/?menu=box&id=741

 

mas ir até braga revelou-se muito complicado pois o Rafa quis mostrar as habilidades futebolísticas ao pai e de lá não quis sair....

 

Ora o que podia ser um belo fds de aventura controlada, transformou-se num grande dor de cabeça para nós e muito descontrole para eles! fica a intenção tá papá? e não desistas tão facilmente...

 

O domingo foi entre boa comida - obrigada paizinho pelo bacalhau com alheiras, grelos e broa no forno que estava uma delícia! embora o almoço como sempre tenha sido «ginasticado», com o senta/levanta do costume e os miúdos correndo o tempo todo, lá conseguimos disfrutar da companhia uns dos outros!

 

Depois muito brinca «à luta», muito salto ninja, muita bola e muita água no banho! quase nos passava ao lado a tragédia na madeira!

 

O pai já partiu, hoje hà momentos de consolação para os mais pequenos, com direito a miminhos extra para compensar as lágrimas desta manhã!

 

 

 

 

 

sinto-me: tristita!
tags: , ,
postado energia-a-mais às 11:53

Sexta-feira, 17 de Outubro de 2008

terminado a noite de ontem com este post mas os danadinhos não deram tréguas até ás 23:00H, depois ainda havia afazeres domésticos, lol!, vai daí publico hoje...

 

 

Então o título será:

 

big birra

 

do Francisco, porque queria arrancar a própria....pilinha, lol! Quando o vejo ficar de punhos cerrados, veias do pescoço saídas e o rosto arroxeado! sei que o miúdo tá mesmo com nervos....

O meu filhote mais novo tem tido umas demonstrações de personalidade muito, digamos, vincadas...as birras são frequentes e tenho de levar as coisas com normalidade, senão temo que a atenção exagerada venha a torná-lo ainda mais exigente!

Mas há birras irresistíveis, esta foi uma cena imperdível...vê-lo furioso porque não conseguia que a pilinha dele saísse, embora eu e o irmão nos esforçasse-mos por lhe explicar que ela não teria grande utilidade fora do sítio, lol!

 

Ele puxava e dizia muito chateado «mamãe, num xai, num xai..tira, tira...»penso, pelo menos foi o que entendi, que a queria colocar no cesto dos brinquedos(!)

Claro que isto foi um dos motivos porque a hora de dormir chegou mais tarde (ainda) do que o costume...

 

 

postado energia-a-mais às 14:28

mais sobre mim
que querem saber?
 
Fevereiro 2016
D
S
T
Q
Q
S
S

1
2
3
4
5
6

7
8
9
11
12
13

14
15
16
17
18
19
20

21
23
24
25
27

28
29


disseram agora
Gostaria de saber se conseguiu resultados com este...
Eu recebi pela primeira vez o abono no final do mê...
Boa tarde ,Inscrevi na semana passada a minha filh...
Obrigada. Espero conseguir. Bjs
Deve receber de facto agora em Janeiro os valores ...
Eu em Julho de facto recebi a 27 no entanto apenas...
Olá Marlene, o abono semestral (se a mãe tiver ren...
Boa tarde. O dr. Luís dá consultas em braga, aveir...
Boa tarde, é possível dizer-me onde dá consulta o ...
Olá,Desculpe intrometer-me mas será que me podia f...
links
Passam por cá - desde 18/11/09
Os que me visitam
Passam por cá - desde 18/11/09

blogs SAPO


Universidade de Aveiro