Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Energia a Mais

A Hiperactividade vista à lupa

Energia a Mais

A Hiperactividade vista à lupa

03.Set.10

alguem sabe...

 

 

o que dizer a uma mãe que já tentou o suicídio duas vezes no último mês por causa do comportamento de uma filha?

 

è que eu não sei como encarar isto.... a não ser com uma grande tristeza!

 

Não vou aqui tornar esta história pública (não tenho esse direito!) mas menciono o assunto pela pertinência para este blog! Existem muitos pais (mães) que entram em desespero total porque não aceitam, não entendem ou simplesmente não sabem lidar com este distúrbio...(ainda ontem troquei um mail com uma pessoa em que abordamos isso mesmo...)

 

Vieram ter directamente comigo e pediram-me para falar com esta mãe, a filha tem 15 anos, está diagnosticada mas nunca fez medicação (apenas uma vez, ao que entendi e através do psiquiatra e nem sei se foi ou não para a hiperactividade). O casamento destes pais está em fase de ruptura, atribuída à jovem - imaginem o que isso faz à cabeça dela!!

 

Pediram-me para dar à mãe alguns conselhos e também indicar médicos, especialistas para obter outra opinião sobre o problema da filha...

 

Fico perturbada com estas situações - considero todas as partes antes de tecer qualquer comentário, cada caso é um caso, isso assusta!

 

Enfim! Quando se fala em números, estatísticas sobre quantas crianças com PHDA frequentam as escolas portuguesas, era bom que se falassem das histórias, se olhassem os rostos, se ouvissem os familiares...

 

 

Comentar:

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.