Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Energia a Mais

A Hiperactividade vista à lupa

Energia a Mais

A Hiperactividade vista à lupa

30.Out.10

por cá andamos

 

ao sabor das acrobacias e traquinices dos reguilas cá de casa

 

num dia de chuva não é fácil ter os dois cá dentro e neste sábado, andamos de candeias às avessas porque parece que afinal, nada do que era suposto acontecer se vai realizar!

 

de manhã o Rafa devia participar num encontro organizado pela escola, para promover a prática desportiva e avaliar, em conjunto com uma universidade o fator peso das nossas crianças.

mas, apesar de andar durante 15 dias a falar do evento, na hora prevista para a ida, resolveu que não queria ir. Como sempre e mesmo com muita insistência da parte do avô, não houve maneira de o fazer ir....portanto e para minha «consumição» lá ficou em casa, arruinando os planos de uma manhã dedicada a limpezas.

 

depois, na hora de almoço mais alvoroço! os dois andavam em constante ebulição e o Rafa cismou que naquele momento, naquele instante eu tinha de lhe comprar uma Wii... assim contado pode parecer maluqueira, acreditem que quando ele «cisma» com uma coisa, não pára mesmo. Por muito tempo, a única preocupação dele, foi consumir a minha paciência, absorvendo toda a atenção possível, fazndo uma daquelas birras que demoram uma eternidade...

 

Com o Quico as coisas também não são nada fáceis de levar. Anda numa fase absolutamente frenética em que cada segundo que o deixo sozinho, resulta em mil e uma asneiras de bradar. Desde os famosos rabiscos na parede, aos papéis com que entope a sanita, abrir torneiras das banheiras e meter-se lá dentro a dar banho aos carrinhos e gormitis....enfim!

 

em boa verdade, esta semana foi bem complicada, com os dois a medirem forças e os avós a entrarem em estado de nervos permanente. E se o fds não permitir o extravasar de energias lá por fora com bolas e afins, isto vai dar que contar....

 

resta o entusiasmo que reina com a festa do halloween, se bem que com a pressa que os caracteriza, por eles começavam já a fazer a noite do «terror» com pedidos de goluseimas e demais apetrechos assustadores.

Claro que a casa já está enfeitada, o Rafa com dentes de vampiro, o Quico com aranhas pelo corpo que orgulhosamente ele próprio pintou! e para além das pipocas, das castanhas assadas e dos bolos com gomas, está prometida uma noitada de aventura televisivas entre as risotas e as diabruras! mas aguentá-los até domingo à noite requer uma técnica elaborada com anos de treino...

 

aproveito para desejar a todos os que por aqui passam uma boa noite das «bruxas» e se possível um bom feriado!

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Comentar:

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.