Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Energia a Mais

A Hiperactividade vista à lupa

Energia a Mais

A Hiperactividade vista à lupa

04.Mai.11

Realidade ou ficção?

 

 

Sabem quando a ficção acompanha os fenómenos reais? e sabem quando essa ficção se mistura de tal modo que acabamos por não saber onde começa uma e se acaba a outra? 

Sempre fui atenta aos programas de TV na perspectiva de mãe. Ou seja, tento acompanhar o que eles vêem e orientar as suas escolhas para que, mesmo que não sejam daqueles que passam horas em frente à tal caixa mágica, os momentos que passam sejam de qualidade. Gosto de certos programas infantis, admito que muitos outros me enervam e confesso que alguns me deixam «pasmada»...

 

Aqui por casa existem dois miúdos com idades bem diferentes - por isso e embora alguns gostos se cruzem (mais por influência do mais velho) os canais de eleição são o Panda, Panda Biggs e Discovery (este último total e religiosamente visto pelo Rafa que pára apenas quando passam documentários de animais pré-historicos, programas científicos e tudo o que seja ligado ao Mundo e sua formação). Não sei se é bom ou mau sinal mas os meus putos devem ser os unicos que não conhecem personagens dos Morangos, não sabem o que são telenovelas e nem imaginam o que é um «reality show»....ou melhor....não imaginavam porque para meu grande «pasmo» descubro que afinal num dos tais canais selecionados, a ficção supera a realidade

 

 

 

A 21 de Março, o canal Panda Biggs estreou a  "Iha dos Desafios", o primeiro reality show animado produzido para televisão que rapidamente se tornou num dos programas de maior sucesso nos Estados Unidos.

A "Iha dos Desafios" decorre no acampamento Wawanakwa, no Canadá. Neste programa, 22 adolescentes vivem oito semanas presos num acampamento onde competem ao longo de vários desafios, com a finalidade de chegar à final e ganhar um prémio no valor de 100 mil dólares.

Durante os primeiros episódios ocorrem diversos eventos marcantes que prometem agarrar os fãs do canal desde o primeiro minuto: trocas de equipas, roubos, mentiras, candidatos que se transformam em namorados e cabeças rapadas, são algumas das peripécias....

 

E sim, tudo é «realmente» semelhante à realidade/ficção dos nossos dias - até o refrão da musica de abertura com um «eu quero ser famoso» gritado em coro....Opá! então anda uma mãe a evitar certas escolhas e acaba por ser «apanhada» por estes tipos espertos fazedores de imagens esteriotipadas?

 

 

5 comentários

Comentar post