Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Energia a Mais

A Hiperactividade vista à lupa

Energia a Mais

A Hiperactividade vista à lupa

06.Mai.12

Ser Mãe

 

 

é ser Porto de Abrigo, ter espaço no coração para o mais nobre dos sentimentos

 

e saber aceitar um filho tal como ele é, sabendo que nunca o poderá «prender» mas ensinando-o a voar

 

 

 

 

Todos os anos celebramos este dia com muita ternura. Tirando o peso consumista que nos querem impor, acho que o simbolismo da data deve ser alimentado, sobretudo em tempos como os que vivemos, onde impera o individualismo, o número de filhos é reduzido a um por casal, onde cada vez existem mais familias monoparentais, o papel de Mãe é tantas vezes subvalorizado...

 

este ano no entanto, vamos ter o Dia da Mãe mais tristonho de que me lembro! não teremos o tradicional lanchinho familiar onde costumamos juntar as três Mães da casa. Por força das circunstâncias a minha mãe, ainda muito debilitada e com muitas dores, terá um dia mais sossegado do que o habitual, embora eu faça questão de a ver (como todos os dia) e de lhe levar uns miminhos. Mas a verdade é que com as crianças enérgicas que tenho não é aconselhavel uma festa lá em casa...eles dariam conta de tudo num instante...Além do mais, como é domingo alguns familiares irão fazer visita e portanto juntar tudo com os meus filhos no meio, está mesmo fora de questão...

 

De resto, eles estão em pulgas porque, dizem, prepararam-me a melhor surpresa de sempre...MEDO! 

 

Desejo a todas as Mães um excelente dia e claro aproveitem para dar e receber muitos beijinhooooos

 

 

 

Comentar:

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.