A Hiperactividade vista à lupa

Segunda-feira, 20 de Julho de 2009

 

foi como começou e  terminou o nosso dia de hoje...

 

já falei várias vezes de como é extremamente difícil manter os meus filhos no mesmo espaço (principalmente sozinhos) por mais que dois minutos seguidos...cheguei à conclusão de que deve ser alguma coisa no sangue, só pode - o meu Rh negativo, com o Rh positivo do pai, deu uma mistura que os torna incompatíveis entre eles....

OK, sei que é disparate mas é a única coisa que me ocorre por enquanto!!!

 

Hoje de manhã perdi mais de uma hora (felizmente já terminou a praia ou o Quico não chegaria a tempo do transporte...) para os separar, tudo por causa de uma pistola comprada num momento de delírio (ou talvez fosse noite e confundi aquilo com um qualquer carrinho a pilhas)...o raio do brinquedo é tão mas tão barulhento que devia ser proibido....se não estivesse à venda eu não o teria comprado

 

Por mais que me esforçasse os dois queriam aquilo como se fosse o último brinquedo à face da terra! Lutaram por ele com unhas e dentes - unhas o Rafa, dentes o Quico....desfizeram metade da casa (a metade que ficou direita depois do fds) e tive de me tornar perita em artes marciais, para com golpes certeiros conseguir ver-me livre do tormento criado pelos dois!!!

 

Com tanta energia gasta, pensei que o final do dia traria menos ebulição - engano meu!!!

Cheguei a casa e os dois enfrentavam-se por causa de um gelado, depois por causa de um avião de papel, depois por causa do barulho do Quico que impedia o Rafa de jogar (o que para nós causa estranheza é que o Rafa acha que o irmão é barulhento, quando nem se dá conta de como grita por razão nenhuma...) depois por causa do espaço que cada um pode ocupar....enfim, nem a comer se calaram, ambos gritando, betendo-se e medindo forças....

por isso não estranhei quando a cena final foi uma mota atirada pelo Quico, abrir a testa do Rafa - claro que este sentindo a coisa a bater na testa, de imediato (mesmo imediato) se virou ao irmão e deu um murro tão forte nas costas do Quico que ele até deixou de respirar...

Com o Rafa de testa rachada e o Quico sufocado, a bisa especada a olhar, só me restou arrastar o mais velho para o lavatório, levando o mais pequeno ao colo e pedindo à bisa para sair e ir colocar os pratos na máquina (para a ocupar)

 

Afinal o corte era bem pequenino mas serviu de pretexto para mais umas quantas chamadas de atenção (muitas das birras seriam evitadas se o Rafa não fosse tão impulsivo...) que poderia ser muito perigoso, que os dois se poderiam magoar a sério, e tal....nem sempre me escutam mas alguma coisa fica!!!

Decidi entretanto que isto não pode continuar...vou pôr a minha cabeça a funcionar e arranjar estratégias válidas para acabar com esta incompatibilidade (espero conseguir alguma coisa antes da hipótese da transfusão total de sangue aos dois, lol!)

 

 

sinto-me: mãe em luta
postado energia-a-mais às 23:14

mais sobre mim
que querem saber?
 
Julho 2009
D
S
T
Q
Q
S
S

1
2
3
4

5
6
7
8
9
10
11

15
18

21
23
25

26
29
31


disseram agora
Bem, vou directo ao assunto!!Sexta-feira, recebo u...
Boa tardeAlguem tem um feedback possitivo do curso...
Boa Noite. O Pai da minha filha está no Luxemburgo...
Gostaria de saber se conseguiu resultados com este...
Eu recebi pela primeira vez o abono no final do mê...
Boa tarde ,Inscrevi na semana passada a minha filh...
Obrigada. Espero conseguir. Bjs
Deve receber de facto agora em Janeiro os valores ...
Eu em Julho de facto recebi a 27 no entanto apenas...
Olá Marlene, o abono semestral (se a mãe tiver ren...
links
subscrever feeds

blogs SAPO


Universidade de Aveiro