Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Energia a Mais

A Hiperactividade vista à lupa

Energia a Mais

A Hiperactividade vista à lupa

24.Nov.09

Brincadeirinha....

 

pois é....não resisti! às vezes só na ironia, consigo encontrar uma saída risonha....

 

 

 

Não é fácil passar um fds sem um segundo de descanso! sem ter o marido (ou companheiro, pais das crias enfim...) para dividir os nervos, as birras, brigas ou os choros...E se por um lado, sozinha não tenho de estar sempre a pensar - estratégia comum!, por outro também não me posso dar ao luxo de dizer - vai chatear o pai lol!

 

Agora a sério!

 

Cheguei a pensar que iríamos ter um fds sem grande complicação, habituada que estou a ter dois diabinhos à solta pela casa...

Na sexta à noite até correu bem porque os avós (hiper queridos!) levaram o Quico para dormir! eu tive assim mais tempo para o Rafa e por isso não foi necessário ele recorrer à frase (mais que) batida «Mãeeeee! anda cá!»

No sábado pela manhã o meu pai trouxe o pequenino e pronto, lá começou a «dança»....

 

primeira dor de cabeça - temos vizinhos novos. Nada de anormal, apenas que esses vizinhos instalaram-se no andar de baixo, piso do terraço - num apartamento igual ao nosso. Ora as nossas janelas ficam no 4º andar. Ora acontece que os vizinhos têm cão! ora agora tenho dois putos histéricos à janela gritando para o cão....Apesar de o Quico não conseguir abrir o fecho da janela, o Rafa consegue...e incentiva o irmão a segui-lo...e ficam pendurados e gritam e chamam e o Quico quer a todo o custo dar de comer ao cão - literalmente! por isso não tive um segundo de folga ou arriscava a ter o terraço inundado de batatas fritas e pipocas! Ora não acho que os tais vizinhos fossem achar piada....

 

segunda dor de cabeça - fazer com que não se matem! isto tem de ter fim, obviamente, só que ainda não o vejo...por enquanto se os dois estiverem sozinhos no mesmo espaço há briga certa! e feia! e perigosa, como bater com vassouras, dar patadas à lutador de wrestling, unhadas e dentadas....

 

terceira dor de cabeça - o raio do bolo - maldita ideia que tive (embora fosse boa!) Pois que se dão conta que estou a fazer doces vão ter comigo...pois que querem sempre ajudar...pois que a ajuda é total e acaba com - ovos partidos (sabem como é difícil limpar claras de ovo do chão?), manteiga derretida pela mesa, farinha por todo o lado e pouca massa para o forno...e ainda tiveram a ideia de lutarem pela batedeira com ela ligada....dá para ter uma ideia do que passei?

 

quarta dor de cabeça (e sim, ainda estou no sábado) - assistir a um filme para descontrair - sim? não! porque - luta pelo filme (nunca estão de acordo) luta por colocar o filme na consola, luta por ligar a consola - ligar e perceber que tanta luta estragou o filme, que todo riscado avança aos soluços e....gritos porque não dá e chutos na consola e gritos do mais novo por causa dos gritos do mais velho e...ok! foi má ideia....

 

quinta dor de cabeça - do Quico porque caiu da cadeira do computador já depois de muitas voltas e voltas e quando já só me apetecia aterrar na cama...Acalmar o galo e tentar aproveitar para levar os dois à cama...mas uma cama com os dois ao mesmo tempo não tem espaço...os dois querem a mesma almofada, no mesmo sítio, com luta pelo cobertor, luta pelo comando da TV e pronto...arrancar para o quarto deles! Começar de novo com a variante de lutarem pela cama do outro!

 

sexta dor de cabeça - a minha que se instalou e não desaparece nem com a cabeça tapada...

 

Domingo - sim, andaram fora de casa! sim estavam com saudades! não, não foi pacífico....birras e birras porque lutam pelo caminho a seguir e porque cada um quer levar um batalhão de coisas que depois eu tenho de carregar!

Sim, os avós vieram e o avô lembrou-se de jogar ao jogo do galo - o Rafa fazia de galo - topam? corria, dava bicadas e acordava a vizinhança com os sonoros «cocóroooooooos»

Ir ao Mac pode ser giro mas o que para os outros putos é uma festa, para os meus é uma batalha - luta para descobrir os brinquedos, luta pelos ditos, luta com comida....

Às dez e trinta cá em casa havia corrida de «cadeira de rodas» - a cadeira do escritório serve para correr com o Quico em cima (pois, o galo não o fez parar...) a toda a velocidade empurrado pelo Rafa...

ler? eu? só em sonhos - e em velocidade, porque quando dei conta já era segunda feira....

 

Sim, este foi o nosso verdadeiro fds! muito mais «a nossa cara» certo?