Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Energia a Mais

A Hiperactividade vista à lupa

Energia a Mais

A Hiperactividade vista à lupa

05.Jan.10

tanta coisa!!!

 

se passou, tanto que aconteceu desde a última vez que escrevi...vou ter de dividir isto em várias partes!

 

mas primeiro uma explicação - razão para não ter actualizado antes e para que não julguem que deixei o blog de lado - o mau tempo do Norte pela altura do Natal, fez estragos cá por casa - um trovão e um relâmpago enorme deixaram-nos sem pc´s (queimou tudo até as colunas)

 

e hoje fico pela primeira parte

 

O RESCALDO

 

dos nossos Natais (sim porque tivemos dois...hehehe!) - como era de prever foi uma época de alvoroço redobrado. O dia de consoada foi alucinante - muito gritei, muito corri e muita ginástica mental tive de fazer para manter a casa minimamante direita até a noite chegar...mesmo com o esforço de todos os adultos (e o meu marido teve mesmo de se esforçar) para manter as rotinas certas, os miúdos andaram sempre a mil.

O Rafa esteve imparável e embora tenha tomado medicação, o efeito quase não se sentiu tal era o estado de ansiedade! De tal forma que a visita a casa da avó paterna correu mesmo mal e durou apenas 10 minutos, várias birras incontroláveis ao longo do dia e muitos saltos, gritos e brigas com o irmão foram o prato forte....Tal frenesim acabou por ensombrar o nosso ritmo que se pretendia mais calmo e acabou por destruir a possibilidade de trocar os presentes no final da refeição (isto se o Rafa tivesse refeição...)

Para terem a ideia correcta vou apenas dizer que - o Natal para o Rafa durou mais ou menos 20 minutos - tempo que durou a engolir algumas garfadas de lasanha por volta das 19h e rasgar em grande histerismo os presentes que eu colocara nesse instante debaixo da árvore! e apesar de nós ainda nem estarmos à mesa para iniciar o repasto, ele já tinha aberto também as prendas para os meus pais, avó e até algumas do Quico (registo que o Quico andava à nora e só perguntava onde estava o trenó do pai natal...)

Claro que passado pouco tempo de ter visto tudo e de ter jogado vários papéis pelo ar, o Rafa já estava super aborrecido e insatisfeito por tudo ter terminado...mais birras e mais gritos e mais meter-se com o irmão....

 

Para compensar esta agitação e o pouco disfrute dessa noite, reservamos as melhores prendas da lista de pedidos, para colocar apenas após os miúdos terem adormecido e abrirem de surpresa pela manhã! E foi o que nos valeu! De manhã ver a alegria do Quico ao ver o seu presente mais pedido - um carro de bombeiros (com telecomando e escada enorme para salvar os gatinhos) e ver o Rafa a abrir e apreciar os seus jogos novos e o videoscópio da Discovery (total surpresa)

Embora com birras mais ou menos acentuadas ao longo do dia (disputas pelos pais e avós para exibição dos novos brinquedos) esse foi o melhor Natal que conseguimos...

 

e pronto, muito doce (ai o que eu adooooro a aletria da minha mãe) descobertos também pelos miúdos (o Quico ficou fã de aletria, bolo de chocolate e sonhos), muito miminho e a minha época preferida deixou-me já com saudade!

 

agora vou ver se me actualizo por aí (pois que tenho que visitar muito blog!) e se arrefeço a cabeça pois se alguma coisa não mudou neste novo ano, foi a frenética agitação das manhãs que me deixa de rastos e que confesso estar a levar-me ao desespero!

A escola e os reinícios dos meus rapazes dão um novo post para amanhã