A Hiperactividade vista à lupa

Segunda-feira, 12 de Julho de 2010

 

Sabem quando tudo acontece ao mesmo tempo?

 

cá em casa foram móveis novos, pinturas e a chegada do papá...querem motivos maiores para que a casa esteja do avesso?

 

e claro está, temos que contar que com miúdos sem travão de qualquer espécie, tudo é muito agitado...apesar do Rafa andar nestes dias a tomar a medicação, parece que o efeito não é muito visível (talvez porque o peso dele exija outra dose)

 

Por tudo isto, razões para «postar» foram muitas, estes dias, tempo é que foi mesmo pouco...

 

Mas vamos agora tentar servir um prato completo!

 

pois que o post anterior (o tal dos marcianos) não veio à toa...

 

 

 

 

ora veja-se, o Rafa quando teve de escolher o desenho que o identificava no cacifo do infantário - escolheu um ovni!

 

e o Quico é a imagem dum marciano no perfil de entrada para a sua conta do «Magic Desktop» no pc

 

portanto acho que lhes corre nas veias algum sangue «verde»   Isso fez-nos pensar num tema assim «do outro mundo» para a nova decoração do quarto deles. Começamos por pensar nos móveis primeiro, dado que o Rafa nem cama tinha e limitava-se a dormir no colchão, como aqui dei conta...A cama do Quico ainda é bem recente, portanto e como por enquanto os mantemos no mesmo quarto, remodelamos o espaço do mais velho, acrescentando à cama nova, uma secretária, cadeira e alguns novos adereços! mas a pintura, isso é que faz toda a diferença - como vos venho a comentar nos posts que por cá deixo, as paredes de casa estavam tão riscadas que já nem sabiamos qual a sua côr original...

 

Com o meu pai a ajudar (dado que o meu marido só veio na quinta feira de tarde) iniciamos uma semana de pinturas, remodelações e muita confusão! na segunda feira decidimos que não só o quarto mas também a sala precisava de um novo toque, portanto coube ao pintor dar o pontapé de saída...que só foi efectivo na terça feira, logo o dia em que nos vieram entregar os móveis...pronto, de manhã deu para acertar os detalhes da côr, de tarde os móveis foram a prioridade, por isso, começar mesmo só na quarta, já os miúdos anadvam num histerismo decortar a respiração....

 

E como se estava com a «mão na massa», ou antes, o pincel na tinta, acabamos por mandar pintar toda a casa e não apenas as tais divisões que agora receberam os novos móveis! foi um fartote - tanto que ainda faltam dois quartos, uma despensa, e duas varandas interiores...eu avisei que a casa era grande!

 

 

Peripécias muitas - garanto que pensei muitas vezes em como devia ter instalado uma câmara de filmar para que tudo ficasse registado em imagens! mas como não o fiz, passo ao registo possível por escrito

Logo que se aperceberam das mudanças, os miúdos fizeram grande algazarra, claro! insistiam em que queriam escolher a côr e já discutiam quem pintava o quê...foi dificil mantê-los longe dos pinceis, rolos e tintas, tanto mais que o «estaleiro» era a minha casa de banho principal. O escadote também foi devidamente apreciado, deu para trepar a servir de árvore para um «Hulk» pequeno em tamanho mas grande em imaginação, saltar depois para cima de um «gormiti» que dava sempre resposta, o que obrigava uma mãe leoa a puxar cada um para seu lado!

 

Na entrega dos móveis, aposto em como os dois senhores que não nos conheciam de lado nenhum, continuam a comentar noutras casas a loucura de um menino matulão, aos saltos quase em cima deles, gritando com vontade e garra umas frases do tipo «é a minha cama yeeeee! allé allé, a minha caminha...» e tentando ajudar em tudo - desfazer as caixas, montar as peças, aparafusar, enfim, sempre que um dos homens tentava chagar ao sítio, encontrava lá o Rafa ! felizmente o meu pai levou com ele o Quico quando foi buscar a minha mãe ao trabalho e demoraram-se por lá...assim só tive de controlar a euforia de um! mas não me livrei de o ver anunciar a plenos pulmões que «agora o papá pode dormir no sofá quando vem a casa, porque a mãe está sempre a dizer que ele ronca...e como o sofá é graaaaande, o papá cabe lá!» Os senhores riram-se imenso mas eu vi bem que tipo de risinho estavam eles a fazer...

 

Outra cena bem ao nosso estilo, foi quando o Quico quis iluminar com uma pequena lanterna, a pila do pintor....e sempre que passava pelo homem beliscava-lhe uma parte do corpo....uma ideia magnífica que lhes passou pela cabeça foi colocarem uns plásticos que serviram de protectores do chão, em  cima da minha cama e cobrirem-se com eles...outra foi terem mantido um desgraçado «ruca» dentro de uma das latas de tinta por tempo indeterminado...

O meu maior receio eram as horas em que a tinta ainda fresca não permitia toques, dedadas e afins...tive de andar sempre a desviá-los para fora de casa e contei com a minha sogra (coisa rara e que dava outro post) que se prontificou a ficar com eles por umas belas horas num dos dias!

 

Ora, feitas as contas finais, ficamos com - entrada principal, entrada para os quartos, varanda dos brinquedos, quarto dos miúdos e sala - tudo pintado de novo! sofá, mais umas remodelações na sala e cama nova, novos adereços no quarto deles.

Acho que ainda não estou em mim - de facto a casa parece outra! e quem acha que uma sala sem sofás até é «ultra-fashion» é porque não passou os últimos 4 anos e meio a usar umas pouco confortáveis almofadas no chão, sem ter onde sentar as visitas (ainda que poucas) e sem saber o valor do conceito «enroscados no sofá»...

 

Mas, nunca seria a nossa casa sem riscos e mossas - por isso as paredes já têm algumas mazelas (uma delas é na sala, precisamente junto ao belo do sofá, feita com os pés do Rafa ainda de sapatilhas...) que poderão ser desfeitas durante os próximos dias, uma vez que ainda vamos terminar as outras divisões...

Entretanto a chegada do pai na quinta feira deu azo a novas e variadas formas de excitação, cada um deles querendo ser o primeiro a mostar as novidades, quais guias turísticos de zonas nunca vistas...O pai por seu lado mostrou-se sempre atarantado com tanta correria e mudança e parecia mais tonto que os filhos, fazendo cada disparate que me deixava em lágrimas (algumas de riso, outras nem tanto!) - tipo: encher a máquina de lavar roupa com tanto tapete de camião que a coitada nem rolava o tambor...ou deixar a porta do frigorífico aberta toda a noite...e deixar a máquina do pão com tudo lá dentro mas sem a ficha ligada

 

Eu entretanto gostava de colocar algumas fotos dos novos cenários mas ainda não consigo neste post...vamos ver se depois das coisas acalmarem tenho tempo para isso. É que para além de faltar ainda pintar umas quantas coisas, temos a visita de uns senhores que nos vão fazer um tratamento do sofá, dizem que para garantir que nunca ficarão manchados por alguma nódoa (parece que garantem 10 anos de perfeição...eu cá contento-me com metade - isto se o sofá ainda existir nessa altura!)

 

 

 

 

postado energia-a-mais às 09:00

mais sobre mim
que querem saber?
 
Julho 2010
D
S
T
Q
Q
S
S

1
2
3

4
5
6
7
8
9
10

11
14
16

18
20
22
24

25
31


disseram agora
Bem, vou directo ao assunto!!Sexta-feira, recebo u...
Boa tardeAlguem tem um feedback possitivo do curso...
Boa Noite. O Pai da minha filha está no Luxemburgo...
Gostaria de saber se conseguiu resultados com este...
Eu recebi pela primeira vez o abono no final do mê...
Boa tarde ,Inscrevi na semana passada a minha filh...
Obrigada. Espero conseguir. Bjs
Deve receber de facto agora em Janeiro os valores ...
Eu em Julho de facto recebi a 27 no entanto apenas...
Olá Marlene, o abono semestral (se a mãe tiver ren...
links
subscrever feeds

blogs SAPO


Universidade de Aveiro