Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Energia a Mais

A Hiperactividade vista à lupa

Energia a Mais

A Hiperactividade vista à lupa

30.Mar.11

desafio meu

 

inspirei-me na sugestão do {#emotions_dlg.smile} e resolvi dedicar este post a um dos maiores desafios que já aceitei - o voluntariado

 

desde cedo a minha educação, valores transmitidos pelos meus pais me fizeram compreender a importância do dar aos outros, sem nada esperar em troca - para mim continua a ser essa a gênese do voluntariado.

 

e sou sincera - fico sempre a pensar que ganho eu muito mais do que aqueles a quem dou alguma coisa 

 

Fiz voluntariado por diversas vezes e diferentes tipos - desde apanhar lixo na praia, recolher e distribuir alimentos, brinquedos, fazer sopa e ir visitar uma jovem com problemas psiquicos e que não tinha mais ninguém com quem falar... mais recentemente disponibilizar-me para participar em vários encontros de pais com crianças portadoras de PHDA e partilhar com elas a minha experiência, dar-lhes conselhos ou simplesmente ouvi-los. De todos os que faço, a minha entrega é total e sinto que dou o meu melhor. Mas uns marcam mais do que outros. E de todos, uma festa organizada em 97 pelo grupo de voluntariado do qual eu fazia parte na altura, para comemorar o Natal dos mais desfavorecidos foi um dos que me ficou no coração

 

pela tremenda emoção de ver aqueles rostos fechados, abrirem-se aos poucos, numa maior e cada vez mais confiante esperança, ver que naquela noite com algumas palavras, consegui mudar alguma coisa na vida daquelas pessoas (algumas contacto até hoje) e olhar para o outro lado da vida!

 

deixar aos meus filhos esse sentido de altruísmo e fazê-los entender a responsabilidade cívica do voluntário é para mim uma questão de coerência

 

o sapito às vezes inspira-nos!