Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Energia a Mais

A Hiperactividade vista à lupa

Energia a Mais

A Hiperactividade vista à lupa

17.Abr.08

O Mundo ás avessas

Como ver o mundo pelos olhos de um hiperactivo? A mim esta pergunta incomoda-me, principalmente porque se a conseguisse responder, entraria definitvamente na cabeçinha do meu filho, e isso, convenhamos, dava um jeitão!

É sempre um exercício de pura invenção tentar responder a esta pergunta por quem não tem um cerebro capaz de relaxar e o tempo de agir é o mesmo do pensamento. No entanto podemos imaginar (nós que convivemos diariamente com a hiperactividade) como deve ser difícil entender um mundo cheio de obstáculos e limitações. Depois de ler alguns artigos de conceituados pediatras, pedagogos e outras mentes brilhantes, sobre como devemos orientar os nossos filhos de forma a serem educados, inteligentes, capazes e obviamente bem integrados, confesso que tive vontade de atirar com os manuais ás respectivas personalidades e gritar bem alto que - sim senhor, são ajudas preciosas para quem tem comportamentos típicos, mas aqueles que não se enquadram e que realmente precisam de ajuda, precisam que os outros saibam ver o mundo pelos seus olhos!

Depois de muito pensar fiz o que já devia ter feito há mais tempo, perguntei a quem anda a mil, como é viver neste tempo mas com o cerebro a viajar muito á frente - o meu filho ollhou-me como se eu tivesse aterrado de um planeta distante e disse com um tom de voz  de superioridade - é como viver num mundo ás avessas, claro!

Como sempre não tive tempo de aprofundar pois ele tinha partido para outra mas prometo voltar á carga e dar em primeira mão as avessas do mundo

Comentar:

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.