A Hiperactividade vista à lupa

Sexta-feira, 10 de Outubro de 2008

É como ainda me sinto, embora não tenha feito este post ontem, para ver se a cabeça esfriava durante a noite! Chego ontem ao final da tarde á escola do Rafa e vejo o porteiro a fazer-me sinais. Vou ter com ele, esperando que me vá dizer que o meu filhote já andaria pendurado nos baloiços do parque. Mas ele, um pouco atrapalhado, começa «sabe, não devia ser eu a dizer, mas...é capaz de ter chatices hoje...», eu »mas porquê, sr. A., o que foi que aconteceu?», ele corado«bom, a prof. R.- directora, veio ter comigo, ontem e disse que a mãe do menino a quem o Rafa bateu no parque vinha cá para falar consigo...» tento tirar isto a limpo! Então a mãe do menino a quem o Rafa impediu de usar o baloiço no dia anterior fez queixa á directora da escola, esta em vez de falar directamente comigo, mandou recadinho pelo porteiro (coitado do homem) e pediu-lhe para ele ficar de olho no meu filhote, durante os intervalos e no final! Então vamos lá a ver, não seria de bom tom, ter-me chamado e á outra mãe para conversarmos um pouco? É que eu não conheço a sra. em questão (o filho tá no 1º ano) e duvido que ela saiba o porquê de certas actuações do Rafa. Espero pela dita senhora, resolvida a colocar um ponto final na contenda. O porteiro avisa quando ela chega mas fico desconfiada com os sinais que me faz!  A tal mãe, vem ter comigo muito ofendida «olhe lá, precisa de ajuda para educar o seu filho?» Eu «penso que a senhora tem de baixar o tom de voz e estar disposta a ouvir, conversar em vez de acusar...», ela »pensa que só o seu é complicado, o meu mais velho deu-me que fazer mas eu consegui sempre ter mão nele, cada palmada, e não morreu por isso!» eu penso, isto não está a acontecer, mas digo «ainda bem que o seu filho não é hiperactivo, talvez a senhora  percebesse um pouco mais sobre educação, se tivesse necessidade disso...» ela «agora são todos super-activos...são é uns malcriadões, acho que ele só diz asneiras, é um mimado...» grrr...calma, tenta falar normalmente Teresa « olhe, este não é o sítio indicado para falarmos mas convido-a para uma sessão de esclarecimento sobre a doença do meu filho na próxima semana, com os médicos dele, até lhe dou boleia para a senhora não ter de ir a pé»

Mas o que mais me irritou foi a complacência dos outros pais que assistiram e não foram capazes de dar uma palavra de apoio, desviam o olhar e ficam ali, embasbacados...Depois percebi os sinais do porteiro, claro que o falatório teria começado antes, todos a comentar, «ela (eu) deixa-o abusar, a canalha é toda igual, tem de levar umas palmadas de vez em quando...» Que coisa, então e a directora não podia mostrar um pouco mais de empenho no assunto?! Eu sempre fui aberta em relação á escola, levei relatórios, desculpei muitas falhas na medicação durante o anos passado, quando o Rafael tinha de tomar medicação na escola e não lha davam! Sempre falei com a directora e professora, para que me alertassem se vissem alterações graves no comportamento ou outras. Sinto-me com vontade de me «engalfinhar» com alguém...

postado energia-a-mais às 10:26

De maebabada a 10 de Outubro de 2008 às 12:05
olá..já aqui vim algumas vezes, mas nunca comentei, mas hoje senti-me compelida a isso...
sinceramente, se me permite dar a minha opinião, acho uma vergonha o comportamento da directora e das educadoras..a outra mãe ou os outros pais...enfim, cada um tem a sua inteligencia e a sua educação e nem todos sabem o quê e como dizer infelizmente.
Já a educadora e a directora, caramba, sabem o que se passa, sabem ou deviam saber que não é uma questão de educação ou de ausencia de repreensão!
eu não sou de conflitos e não tenho grande vocação para discussões e afins, por isso, simplesmente manifestava o meu descontentamento à directora, dizia que tinha ficado profundamente ofendida com a situação e ia pesquisando outros colégios secalhar onde as pessoas sejam + profissionais e saibam a diferença entre uma criança mal educada e uma hiperactiva.

beijinhos e parabens pela sua força, paciencia e bom humor no meio disso

De energia-a-mais a 10 de Outubro de 2008 às 12:17
obrigada pela visita e pelo comentário. Tem toda a razão, espera-se maisde gente profissional e até já com anos de experiência...mas infelizmente isto não é novidade para mim! Só que não estou imune, não consigo ficar calada.
Um beijinho e seja bem vinda sempre que quiser

De Mamã e Tesourinhos a 10 de Outubro de 2008 às 12:40
Infelizmente a nossa sociedade não está minimamente preparada para ceitar aqueles que não se enquadram dentro dos parâmetros ditos normais. E por vezes quem demonstra mais repulsa e que não está para suportar estas pessoas são mesmo os ditos "profissionais" (acredito que a directora até que nem tivesse dito nada para não ter que ouvir "então e deixam uma criança destas frequentar a escola???").
No outro dia estava no café com o mais pequeno e chegou-se ao pé de nós uma criança com uns 3 aninhos e que era diferente (trissomia 21) e eu deixei os dois a brincar e tratei-a como uma criança normal, mas sei que há muitos que fugiriam a 7 pés.
Bom fim de semana.
Fica bem.

De s.a. a 10 de Outubro de 2008 às 21:53
Teresa:

Ainda nem tinha visto este post...

Bem, então é assim: eu reprovo a 100 % a atitude da professora/directora.

Esse assunto, na minha opinião deveria ser tratado "entre portas" e não fora delas, se é que me faço entender.É desagradável para ambas as partes.

Às vezes estas situações geram grandes chatices, sem necessidade. É a falar que as pessoas se entendem.


1000 beijinhos

Espero que o F D S sirva para repôr energias!


Sandra

De mil sorrisos a 12 de Outubro de 2008 às 13:51
É como já aqui escrevi a outro propósito, os ditos profissionais em questões de educar crianças e gerir conflitos são os primeiros a fraquejar na hora H. A situação não foi bem gerida. Se na escola sabem das características peculiares do teu filhote e da forma como a sua hiperactividade pode influenciar o seu comportamento, devia ser tudo tratado de outra maneira. Infelizmente o nível de conhecimento da hiperactividade da comunidade em geral, e de outros pais em particular, também deixa muito a desejar... Enfim, Teresa, mais uma vez pareces ser tu contra o mundo. Mas eu sei que és uma mulher de garra e que dás a volta a estas coisas...
Beijos e Mil Sorrisos
:o)))))))))


mais sobre mim
que querem saber?
 
Outubro 2008
D
S
T
Q
Q
S
S

1
2
3
4

5
6
7
8
9
11

15
18

20
24
25

26
31


disseram agora
Bem, vou directo ao assunto!!Sexta-feira, recebo u...
Boa tardeAlguem tem um feedback possitivo do curso...
Boa Noite. O Pai da minha filha está no Luxemburgo...
Gostaria de saber se conseguiu resultados com este...
Eu recebi pela primeira vez o abono no final do mê...
Boa tarde ,Inscrevi na semana passada a minha filh...
Obrigada. Espero conseguir. Bjs
Deve receber de facto agora em Janeiro os valores ...
Eu em Julho de facto recebi a 27 no entanto apenas...
Olá Marlene, o abono semestral (se a mãe tiver ren...
links
Passam por cá - desde 18/11/09
Passam por cá - desde 18/11/09

blogs SAPO


Universidade de Aveiro