A Hiperactividade vista à lupa

Quarta-feira, 09 de Setembro de 2009

 

do Rafa davam para encher posts e posts e fazer filmes mais longos que os de Manuel de Oliveira...

 

nem sempre conto tudo o que se passa no dia-a-dia, até porque não é essa a intenção do blog (embora faça um registo do que acho mais notável!)

A impulsividade do meu filho tem muito que se lhe diga...sei que a hiperactividade deste tipo é como não ter «filtro», não ter «travão», agir antes de pensar (acho que a maior parte das vezes, ele nem consegue perceber o que fez...)

 

Muitas vezes tenho passado por situações realmente embaraçosas!! desde ser completamente «desbocado», dizendo o que lhe vem à cabeça, no pior dos momentos, a fazer perguntas de corar as pedras da calçada, a pegar em coisas que quer à força -- fugindo com elas porta fora (o exemplo da mochila aconteceu mesmo agora...) ou coisas como esta que aconteceu ontem...

 

Tenho colocado o Rafa num atl da zona muito in onde os putos fazem de tudo e em espaço amplo, com escorregas, insulfláveis e atelier's diversos...

durante as tardes está ocupado e dá descanso ao avô....ontem quando o fui buscar no fim do dia, ele insistiu em comprar batata frita no café perto de casa...como vem por norma eufórico a querer contar todas as «novidades» eu fiz-lhe a vontade mas sempre a recomendar moderação na voz e nas atitudes para entrar no café....

Só que ele não sabe o que isso é! entra a falar como se estivesse de megafone, agita-se todo, salta à frente de quem lá está e faz o pedido - só que não espera e vai puxar do pacote...soltam-se 3 ou 4 que se espalham no chão, o dono do café tenta ajudar e leva com um «mostra-me lá o teu cuzinho....vá mostra»

 

eu ainda pensei que estava a ouvir mal...mas o pobre do homem baixou-se para apanhar os ditos pacotes e o Rafa - puxa-lhe as calças! como se não bastasse, puxa as dele próprio (lembram-se que ele não usa roupa interior?) e dando palmadas no dito cujo, lança a plenos pulmões «olha o meu cuzinho»

 

Ora eu não sei explicar como saí de lá com ele...desconfio que o meu cerebro bloqueou essa parte para que não esteja sempre a reviver o pesadelo....mas de facto, é mirabolante viver com o meu filhote!

 

 

E nem tenho a complacência das pessoas que o viram fazer aquilo, porque como é que se arranja uma «desculpa» plausivel - ele já não é pequenino (um matulão de 8 anos...), não tem nenhuma deficiência visível e não traz rótulos na testa a explicar «sou hiperactivo de tipo impulsivo e tenho um grave transtorno comportamental, o que faço nem sempre se entende...»

 

Coisas da nossa vida!

 

 

sinto-me: sem buraco!
postado energia-a-mais às 23:37

De
 
Nome

Url

Email

Guardar Dados?

Ainda não tem um Blog no SAPO? Crie já um. É grátis.

Comentário

Máximo de 4300 caracteres



Copiar caracteres

 



mais sobre mim
que querem saber?
 
Setembro 2009
D
S
T
Q
Q
S
S

1
2
3
4
5

6
7
8
9
10
12

13
18
19

20
26



disseram agora
Bem, vou directo ao assunto!!Sexta-feira, recebo u...
Boa tardeAlguem tem um feedback possitivo do curso...
Boa Noite. O Pai da minha filha está no Luxemburgo...
Gostaria de saber se conseguiu resultados com este...
Eu recebi pela primeira vez o abono no final do mê...
Boa tarde ,Inscrevi na semana passada a minha filh...
Obrigada. Espero conseguir. Bjs
Deve receber de facto agora em Janeiro os valores ...
Eu em Julho de facto recebi a 27 no entanto apenas...
Olá Marlene, o abono semestral (se a mãe tiver ren...
links
subscrever feeds

blogs SAPO


Universidade de Aveiro