A Hiperactividade vista à lupa

Segunda-feira, 21 de Setembro de 2009

 

que estamos em início de ano escolar - para que tem uma criança hiperactiva, uma época de dúvidas e receios

 

relembro aqui alguns princípios a ter em conta

 

a escola é cada mais vez o local onde a criança passa uma grande parte do seu dia...entender esse espaço como um local priviligiado onde está mais exposto às consequências deste transtorno comportamental  deve ser uma prioridade para os pais e também para os professores.

 

Logo no início do ano escolar os pais devem

 

  • falar com o professor no sentido de perceber que estratégias comuns devem adoptar
  • se a criança está a ser medicada, explicar como funciona a medicação, os horários das tomas e de que modo é feita (se em casa ou na escola e como é tomada)
  • traçar os objectivos e verificar periodicamente se esses objectivos estão a ser cumpridos
  • perceber em conjunto quais as dificuldades sentidas na sala de aula e nos intervalos e o que é possível fazer para melhorar a intervenção de professor e aluno
  • estabeleçer uma relação de proximidade com o professor para que este entenda que os pais querem que a escola funcione e não que estão ali para «acusar» ou «culpabilizar» quem muitas vezes nem teve formação específica para lidar com crianças «diferentes»

No caso de este ser o primeiro ano naquela escola eu aconselho uma conversa prévia com o professor, de modo a esclarecer dúvidas, apoiar essa conversa com material informativo sobre a doença e até pedir ajuda a técnicos como a APDCH para que se desloquem à escola (se for solicitado pela escola, ou proposto e aceite)

Abordar o tema na reunião de início de ano com a presença dos outros pais, pois a escola não se resume à relação professor-aluno!

 

Em casa

 

  • esta é uma época de nervos para pais e filhos
  • esteja preparada para muita resistência e alguma conrfusão
  • não crie expectativas iniciais muito altas (o tempo é aliado)
  • reforçe os aspectos positivos da escola como o ir aprender coisas novas, ter muitos amigos, sentir-se crescido, ter responsabilidade sobre o material e a mesada por exemplo
  • seja inflexivel nas rotinas e mantenha-se optimista
  • verifique com o seu filho quais os seus receios e expectativas
  • fale abertamente sobre o dia-a-dia, motivando-o

Para que os trabalhos não sejam «forçados»

 

  • organize o local de estudo - não fique perto de Tv ou outro estímulo qualquer
  • desenvolva rotinas de estudo - como arrumar o material, verificar se se esquece de alguma coisa, definir o horário de estudo - por exemplo - lanchar, fazer os TPC, brincar, tomar banho (tenha em conta o horário da medicação)
  • esteja atenta e dê instruções precisas falando directamente nos olhos
  • estabeleça tarefas de curta duração
  • proteja-se e à criança de momentos de stress - antecipe tarefas suas por exemplo para ter tempo de acompanhar o seu filho!

Boa sorte para todos

 

 

 

 

sinto-me: mãe na escola!
postado energia-a-mais às 10:53

De
 
Nome

Url

Email

Guardar Dados?

Ainda não tem um Blog no SAPO? Crie já um. É grátis.

Comentário

Máximo de 4300 caracteres



Copiar caracteres

 



mais sobre mim
que querem saber?
 
Setembro 2009
D
S
T
Q
Q
S
S

1
2
3
4
5

6
7
8
9
10
12

13
18
19

20
26



disseram agora
Bem, vou directo ao assunto!!Sexta-feira, recebo u...
Boa tardeAlguem tem um feedback possitivo do curso...
Boa Noite. O Pai da minha filha está no Luxemburgo...
Gostaria de saber se conseguiu resultados com este...
Eu recebi pela primeira vez o abono no final do mê...
Boa tarde ,Inscrevi na semana passada a minha filh...
Obrigada. Espero conseguir. Bjs
Deve receber de facto agora em Janeiro os valores ...
Eu em Julho de facto recebi a 27 no entanto apenas...
Olá Marlene, o abono semestral (se a mãe tiver ren...
links
subscrever feeds

blogs SAPO


Universidade de Aveiro