A Hiperactividade vista à lupa

Segunda-feira, 21 de Setembro de 2009

 

que conheçam um pouco melhor como é ser Hiperactivo pela vida fora....

 

Muitas vezes e até por «defeito» da informação que passa nos órgãos de comunicação, dá-se a ideia de que a hiperactividade é uma doença ou transtorno, típica da infância e que eventualmente acaba por «passar» com a idade.

Já referi diversas vezes que isso não é verdade - algumas características comportamentais da infância, afectadas pelo transtorno, são atenuadas pela idade mas surgem sempre outras e a instabilidade continua a existir nas diferentes fases da vida!

 

É por isso que após pedir permissão resolvi publicar o testemunho da Ana Leonor de 20 anos que ao visitar este blog, quis partilhar o seu percurso, dando a todos os pais de hiperactivos (e não só) uma visão na primeira pessoa.

Agradeço-lhe por isso e conto com ela por cá, sempre que lhe apeteça!

 

aqui está a Ana no primeiro comentário que fez ! a nossa «conversa» fê-la abrir-se mais e por isso gostaria que vissem este!

 

Como ela própria afirma é difícil parar por isso deixo-vos com a sua atitude  tão própria!

 

Acredito que muitos jovens passem por fases complicadas, até porque nem sempre são entendidos até no seio da família!

Que os pais passem também por fases complicadas, pois não é nada fácil acompanhar tanta energia, tanta mudança ao longo do crescimento....

E quantos e quantos acabam por se desviar? muitos certamente, a hiperactividade na adolescência....ui que fase!!!!

 

E ao reparar no discurso da Ana Leonor não encontram tudo mas tudo o que faz parte da energia-a-mais de um hiperactivo?

 

Fases?!....poissssss!

 

sinto-me: mãe «preparada» pra tudo!
postado energia-a-mais às 22:56

De Anabela a 22 de Setembro de 2009 às 10:12
Olá Teresa,
Não tenho qualquer dúvida disso, deve ser realmente complicado e difícil crescer e ser compreendido quando se é hiperactivo. Vejo pelo que passa o meu filho e vejo pelo meu marido. Na sua infância, a hiperactividade não era diagnosticada, pelo que apenas posso deduzir que o seja, não tenho confirmação. Mas pela sua forma de estar e o seu comportamento, pelo que conta da sua infância e da sua aprendzagem, pelo que conta a mãe e pelas dificuldades que atravessou na sua vida escolar e também na sua vida adulta, deixo de ter dúvidas.
Claro que agora consegue controlar-se melhor, claro que optou por uma profissão mais adequada e nunca fechado entre 4 paredes, mas muitas são as vezes em que tem que respirar fundo.... Acompanhá-lo não é fácil e quando junto os dois é uma desgraça!
Beijinhos,
Anabela

De energia-a-mais a 22 de Setembro de 2009 às 10:23
Olá Anabela! não deve ser fácil gerir este transtorno pela vida fora...eu também conheço casos de hiperactividade na vida adulta e sei da instabilidade constante, da necessidade de compreensão e da falta de confiança que por vezes toma conta de cada decisão...
mas também temos actualmente mais ferramentas, mais informação e mais possibilidade de conseguir «ajudar» as crianças para que tenham um futuro mais equilibrado!
Acho no entanto que se deveria falar mais sobre o assunto
Beijinho grande

De Mamã e Tesourinhos a 22 de Setembro de 2009 às 10:12
Ora aqui está um belo testemunho.

Por várias vezes penso como é que irá ser a vida do Rafa e do Quico quando adolescentes e adultos, pois sei que não é uma fase mas sim, vai ser toda uma vida.

Ana Leonor: muitos parabéns a ti e à tua Mãe pelo trabalho que têm tido ao longo destes anos. Espero poder continuar a ter notícias vossas E que tal também criarem um blog? Nunca é tarde ;).

Fiquem bem.
Bjs.

De energia-a-mais a 22 de Setembro de 2009 às 10:27
Olá amiga!
Realmente devemos ter mais em conta que não vão ser crianças para sempre! e se agora contam com os pais para servirem de ligação nos diferentes contextos da sua vida, um dia virá em que terão de o fazer sozinhos...
Também concordo contigo que a Ana e a mãe deveriam fazer uma divulgação pela net! o tema seria alargado e chegaria a tantos e tantos jovens que precisam de desabafar!
Cá fica o desafio

De osmeuspestinhas a 22 de Setembro de 2009 às 10:36
Pois eles vão cresçer e tornar-se adolescentes/jovens e ai ?A fase não lhe vai passar só pk são jovens o gene está lá,é necessário continuar a acompanhar sempre
bkos

De energia-a-mais a 22 de Setembro de 2009 às 10:40
é mesmo amiga! mas muita gente continua a confundir hiperactividade com traquinice própria da infância...
beijinhos

De maebabada a 22 de Setembro de 2009 às 11:20
imagino que essa seja uma preocupação tua e que estará presente sempre, saber como vão ser eles enquanto adultos, claro que essa preocupação todos que somos pais a temos, mas pais de hiperactivos além da preocupação normal têm que lidar com mais essa dificuldade.

beijocas e tudo de bom

De energia-a-mais a 22 de Setembro de 2009 às 13:05
é isso, temos a preocupação «normal» de pais que querem o melhor para os seus filhos mas sabendo que eles não partem com as mesmas competências dos outros...
Beijocas para ti também

De Ana leonor a 22 de Setembro de 2009 às 13:18
olá!!! apartir do momento que descobri o seu blog, irei estar sempre por aqui... sim ja pensamos em fazer um blog sobre o assunto, genero de um diário, masss... é para pensar=) Ao longo das nossas vidas, (minha e da minha mae) tornamo-nos muito juntas, apesar de as vezes sermos o cão e o gato=) mas amor não é o que ao falta, ca por casa!=) e existe ainda muitos momentos pra testemunhar! mas no meio disto tudo, posso dizer q sou a pessoa mais feliz do mundo!! nao somos diferentes somos especiais=) feitios especiais! hoje olho pra minha infancia e vejo um sorriso, olho pro presnete, vejo mutio trabalho, olho pro futuro vejo muita luz e felecidade=) mas afinal o que seria eu sem a minha mae, sem o meu pai ou o meu irmao? ou o rafa sem a mae ou o quico ou sem mesmo a bisa? =D acho que nao conseguia, sem o amor a dedicaçao, o apoio, as palmadas, os castigos, os abraços, os sorrisos das pessoas que mais amo=) sou hiperactiva, mas sou feliz!=D

De energia-a-mais a 22 de Setembro de 2009 às 13:30
mais palavras para quê?

De mother_24 a 22 de Setembro de 2009 às 15:06
Ah ganda Ana clap clap clap clap :D

Um exemplo a seguir aqui pela nossa energica_mãe :D

jocas

De energia-a-mais a 22 de Setembro de 2009 às 15:33
e pra mãe da Ana outro clap clap clap
e eu tou de olho nelas, lol!
Jocas
e o teu canininho ? tenho saudades

De mother_24 a 23 de Setembro de 2009 às 15:50
:) tá bom... sempre com a pica :D

bigada


mais sobre mim
que querem saber?
 
Setembro 2009
D
S
T
Q
Q
S
S

1
2
3
4
5

6
7
8
9
10
12

13
18
19

20
26



disseram agora
Bem, vou directo ao assunto!!Sexta-feira, recebo u...
Boa tardeAlguem tem um feedback possitivo do curso...
Boa Noite. O Pai da minha filha está no Luxemburgo...
Gostaria de saber se conseguiu resultados com este...
Eu recebi pela primeira vez o abono no final do mê...
Boa tarde ,Inscrevi na semana passada a minha filh...
Obrigada. Espero conseguir. Bjs
Deve receber de facto agora em Janeiro os valores ...
Eu em Julho de facto recebi a 27 no entanto apenas...
Olá Marlene, o abono semestral (se a mãe tiver ren...
links

blogs SAPO


Universidade de Aveiro