Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Energia a Mais

A Hiperactividade vista à lupa

Energia a Mais

A Hiperactividade vista à lupa

30.Set.09

Quiquices

 

ou as diabruras do meu caçula...

 

tá bem, eu reconheço que o ambiente aqui em casa é electrizante! eu sei que com um «professor» como o Rafa, com atitudes e exemplos tão intensos, seria difícil o mais novinho ser uma criança calma, tranquila ou sossegada...

 

sei também que o Quico é uma esponja e que em idade de fazer tolices próprias do crescimento, temos de «dar o desconto», entender, orientar o melhor possível e principalmente deixar crescer

 

pronto, isto é só para que percebam que eu até estou equilibrada, não sou de exageros e consigo distinguir os comportamentos dos meus filhotes (por enquanto...)

 

Agora, acham normal o que vem ficando hábito por aqui? eu passo a descrever as últimas «Quiquices»

 

  • faz birras matinais de pôr a cabeça em água a qualquer um - exemplo: levanta-se da cama decidido a levar pela frente quem se atreva a falar, tossir ou mesmo respirar perto dele, grita, bate e pontapeia, atira várias coisas pelo ar sendo as preferidas o biberão, o copo da água, a chucha ou a almofada
  • tão depressa como rebenta, também lhe passa, passando a ser muito «despachado» e querendo sair de casa em pijama
  • pergunta um milhão de vezes se vai para a escolinha e quando chega a hora desata num berreiro 
  • insiste em ser chamado de «avô» ou «bob construtor» e nunca sai de casa sem uma parafernália de adereços, conforme a personagem - ou «tefone, rerógio, gavata e cateira» se for o avô ou «cassapete, femamentas, calicate e xave» se for o tal do bob
  • quando o meu pai o vai buscar à escola passa mais de 30 minutos para o tirar de lá e depois tem de parar em todos os recantos da escola para ele se despedir
  • pelo caminho até casa insiste em parar numa agência imobiliária para beber da «máquia da água» (sempre!)
  • não janta e acaba por petiscar qualquer coisa em movimento
  • o banho é uma cena de tortura aquática
  • até ir dormir por volta das 23h, dá mais de 50 cambalhotas sem mãos, atira mais de 20 objectos pelo ar (partindo aí metade) salta mais de 100 vezes na minha cama e implica umas mil comigo, com o irmão (claro!) e com a bisa

 ok! posso ser atinada mas que isto está a ficar fora de tino está!!!

 

Claro que existem as Quiquices mais doces - as beijocas, mimos e festinhas, o irresistível «pur fabôr mamã...» acompanhado do ar angelical, o querido «brigada» e «scupa mamã, num foi querer» mas será que chega para me fazer não o «trucidar» quando apanho obras destas na parede da sala???

 

 

 

 

 

 

5 comentários

  • Imagem de perfil

    energia-a-mais 01.10.2009

    ena! então ainda somos mais vizinhas do que pensei! keres ver ke ainda nos cruzamos por ai! Vivo no centro!
    Beijocas
  • as tantas! trabalho na praça ao lado do pingo doce!
  • Imagem de perfil

    energia-a-mais 01.10.2009

    passo por lá todos os dias! vizinha vamos
    ter café em breve?
  • sim vamos, é só combinar :o)
  • Comentar:

    Mais

    Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.