A Hiperactividade vista à lupa

Quarta-feira, 21 de Outubro de 2009

 

eis um assunto que gostaria de partilhar aqui

 

tem sido crescente o desafio lançado por vários especialistas, que eu subcrevo por concordar inteiramente, de transmitir aos meus filhos (principalmente ao Rafa) a necessidade de saber gerir o dinheiro - dar a conhecer o seu valor e incentivar a poupança!

 

tenho tentado explicar-lhe já há algum tempo como é importante atribuir responsabilidade e perceber que tudo o que nos faz falta em termos de bens essenciais e outros, custa dinheiro - tem de ser adquirido, tem de se gerir o dinheiro para que nada nos falte!

 

Mas a verdade é que tenho constatado que este é mais um daqueles «berbicachos» para pais de crianças com hiperactividade..

 

Fazem ideia de como é complicado explicar a uma criança destas que temos de planear o amanhã - é que para eles só existe o já!!!

 

Antes de postar como lhe tento transmitir isto do dinheiro e da poupança, gostava de saber como fazem voçês que têm filhotes em idade de mesada/semanada - concordam, dão liberdade, gerem voçês? contem e sugiram tá?

 

 

 

 

 

 

 

sinto-me: a tentar planear!
postado energia-a-mais às 11:26

De Raquel a 21 de Outubro de 2009 às 12:14
Olá!
Olha eu dou todos os meses 5€ a Margarida.
Ela compra o que quer com eles, pastilhas, sugos, tem a carteirinha dela que leva sempre que saimos, as vezes quer me pagar o café e ao pai, hahahah, claro que vai tambem juntando para comprar um livro ou outro, mas regra geral o dinheiro sobra sempre, porque ela ja sabe que não lhe dou mais.Bjs

De energia-a-mais a 21 de Outubro de 2009 às 13:08
excelente ideia! e se lhe sobra é porque está no bom caminho! mas a de vos pagar o café é o máximo!
beijocas à Margarida e à Mamã

De Leonor a 21 de Outubro de 2009 às 13:46
Sempre tentei trabalhar o carácter e auto-estima da Ana Leonor, valorizando tudo o que fazia de bom e embora não seja muito apologista de semanadas já que o irmão nunca tinha tido achei por bem trabalhar este lado das poupanças e a pior parte era esta mesmo a gestão do dinheiro, tarefa quase impossível , comecei por dar mesada, chegava ao fim do dia já não tinha dinheiro, passou a ser semanada foi igual conclusão passei á diária mas mesmo assim não tive grandes vantagens, poupanças não havia, depois vinham os castigos quando ela queria alguma coisinha era a minha vez poupasses!! agora não tens. Uma grande complicação, hoje tem semanada mas está sempre a pedir adiantado . Uma canseira... temos de ter muita, muita paciência bjos

De energia-a-mais a 21 de Outubro de 2009 às 13:50
exactamente o que passo com o Rafa Leonor! é uma canseira fazê-lo entender que não, não pode gastar tudo de uma vez....será que aprende a ser mais comedido nos gastos?
beijinhos muitos

De C. a 21 de Outubro de 2009 às 14:15
Bom, eu não tenho filhos em "idade de mesada/semanada" mas tenho a minha irmã de 10 anos que já a recebe há algum tempo( desde os 6 anos +-). Ela é muito poupada, sempre foi. Sempre que lhe davam uma moeda ela perguntava quanto custava um bolo, um chocolate , seja o que fosse e achava caro. Isso é bom porque dá muito valor às prendas que recebe. Não é de gastar o dinheiro "à toa", mas também não é "forreta". De vez em quando vai ao mealheiro e da $ aos sobrinhos!!! A minha mãe sempre disse que poupar é importante e metia objectivos altos como por exemplo : se eu quisesse uma bicicleta nova ela leváva-nos à loja para vermos o preço, chegando a casa ia contar o que tinha e fazia as contas ao que faltava. Mesmo que nos anos ou no natal acabasse por recebê-la sem gastar do meu! Maz fez com que eu e as minhas manas poupássemos sem gastar o $ inutilmente. ( Claro que de vez em qd lá ia comprar uns docinhos, eheheh).
Espero que te ajude...BEIJOCAS!

De energia-a-mais a 21 de Outubro de 2009 às 14:26
Olá amiga! Gostei muita da ideia de os levar às lojas, mostrar o preço e fazer as contas! assim começam a ter noção de quanto necessitam!
boas dicas, brigada
beijocas

De Coisinhas da Mamã Lili a 21 de Outubro de 2009 às 14:34
Ola Teresa

Vim deixar-te uma grande beijoca

Em relaçao a mesada/semana e realmente dificil para as crianças entenderem que nao se pode gastar tudo de uma vez, mas acho que deve ser assim de pequenino que temos que lhes incutir o sentido da responsabilidade, espero que corra bem com o Rafa.

Jinhos

De energia-a-mais a 21 de Outubro de 2009 às 14:46
Olá Lili! pois ainda é cedo para pensares como vai reagir a tua Lara! mas tens toda a razão, é daquelas coisas que devemos transmitir desde cedo
beijocas grandes para voçês

De maebabada a 21 de Outubro de 2009 às 14:38
pois eu ainda não estou nessa fase:o)) para já a unica coisa que faço é dizer coisas como:
- só podes escolher 1 coisa para levar porque as coisas custam dinheiro e não podemos comprar tudo.
ou com a comida
- não podes pedir uma bolacha para depois não a comeres toda, porque se vai para o lixo é dinheiro que estamos a deitar fora..
ou
- se estragares depois vais ter que comprar com o teu dinheiro ou os pais não vão poder comprar-te y porque temos que pagar isto que estragaste..
ainda o acho pequeno, mas vamos dizendo estas coisas para ter noção de que as coisas custam dinheiro, que tudo se paga..

beijocas

De energia-a-mais a 21 de Outubro de 2009 às 14:51
são optimos exemplos! assim vais dando desde cedo a noção do valor das coisas! sabes que o Quico entende mais facilmente do que o Rafa quando lhe digo «não posso levar porque não tenho dinheiro para comprar»
ao mais velho espero conseguir incutir-lhe esta ideia de poupar para ter!
beijinho

De mother_24 a 21 de Outubro de 2009 às 15:19
É assim, o meu além de já ter uma carteira (que me gamou) tb já tem moeditas, é q o mealheiro já está cheio (de pretos que ele cata cada moedita q apanha e põe lá) então ele quis uma carteira... lá tem só as moedas de 1e 2 euros, ele não as gasta e eu tb n dou uma mesada certa, o certo é que elas lá estão, qd vamos ás compras ele n quer gastar do dele e se eu POR EXEMPLO um dia destes não tenho trocos e necessito de ir á carteira dele, sou obrigada a ouvir pérolas do género "GASTAS-ME AS MOEDAS TODAS BUAAAAAAA JÁ NÃO TE DOU MAIS DINHEIRO"... achas isto normal????

lol

Como podes ver, ainda n temos esse aspecto bem "controlado"
jocas

De energia-a-mais a 21 de Outubro de 2009 às 15:43
looool! só o teu canininho mesmo! queres ver que vai ser forreta?
beijocas

De Leonor a 21 de Outubro de 2009 às 15:25
Não sei se deva e não faço ou faço e não deva fazer mais um pequeno comentário, eu não sei se as mamas que comentaram este poste todas têm filhos hiperactivos, é que muito diferente dar noções de como se gere uma mesada ou semanada ou o que quer que seja aos nossos filhos , eles não entendem que em tudo na vida tem de existir um meio termo, a minha filha só conhece o sim ou o não, o talvez ou o mais ou menos simplesmente não há, temos de chamá-los a atenção sempre e sempre que possível com exemplos positivos mas olhos nos olhos caso contrario entra por um lado e sai por outro. Não quero dizer com isto que a minha menina não aprendeu a gerir o seu dinheirinho só teve foi de aprender porque sabe que se o gastar não tem mais ela não é parva lol , mas que foi difícil foi
Desculpem mas quando o tema é Ana Leonor só me apetece escrever, escrever . A minha filha preenche-me a vida bjos


De energia-a-mais a 21 de Outubro de 2009 às 15:42
pois claro que nem todas as mamãs que aqui comentam têm filhotes com hiperactividade - muitas das que me visitam fazem-no porque aprenderam neste blog a entender melhor a complexidade deste transtorno (acho eu!) e assim podem tirar partido de experiências diferentes. Para quem tem filhos realmente portadores de hiperactividade é óbvio que entendemos as coisas de outro modo - sabemos que o facto de não terem «filtro» ou «travão» que os faça pensar antes de agir, se reflecte em todos os aspectos da sua/nossa vida!
Com a abertura deste espaço quis que estas realidades se cruzassem e com que fosse possível mostrar como é que gerimos estas particularidades!
Escreva sempre Leonor pois embora se fale mais em hiperactividade infantil, nunca é demais lembrar que as crianças crescem e os desafios continuam!
Beijos

De Raquel a 21 de Outubro de 2009 às 16:53
Quando dei o meu exemplo, não foi para servir de exemplo a Teresa, pois a minha graças a Deus, não tem o problema de Hiperactividade que tem o Rafa.No entanto, parece-me que pode ser uma forma de ajudar a Teresa a decidir a melhor forma de iniciar o menino nestas coisas do dinheiro...longe de mim, querer ensinar a Teresa, eu tenho é aprendido muito com ela, e a maioria das mães que cá passam julgo que também, e vemos a hiperactividade com outros olhos, e mais uma coisa, apesar de terem esse "problema", não são estupidos ...

De energia-a-mais a 21 de Outubro de 2009 às 17:47
e tu bem sabes como essas outras vivências são importantes para mim! até para ter o discernimento de entender certos comportamentos do Rafa!
espero ter o prazer da tua visita e dos teus conselhos muitas e muitas vezes!
beijos

De Raquel a 22 de Outubro de 2009 às 10:31
Claro, que contas sempre comigo Teresa!
Eu propria tiro daqui lições...Bjs

De energia-a-mais a 22 de Outubro de 2009 às 10:57
muitos!

De osmeuspestinhas a 21 de Outubro de 2009 às 17:47
pois eu pessoalmente não dou mesada /semana ao meu tb não tem aonde gastar durante a semana visto que ele comemna escola e pago no fim do mes.Mas ele é muito poupadinho e já tem a noção do caro/barato pergunta sempre 1º o preço de qualquer coisa que deseje ou goste, e preocupa -se se nos temos ou naõ posssibilidade de lhe dar.(imagina que este ano ele nem queria festa de aniversário porque sabia que o pai estava com atrasos nos ordenados,não queria que gastassemos dinheiro com ele).Qto ao rafa se fosse a tive fazia a experiencia 1º semana para ver como corria
bjos e espero ter ajudado

De energia-a-mais a 21 de Outubro de 2009 às 17:51
bem pelo menos o teu menino mostra ter noção de que nem tudo são facilidades!
e tens razão acho que devo fazer a experiência...
beijocas muitas

De mil sorrisos a 21 de Outubro de 2009 às 21:27
Pois, a Laura ainda não está nessa fase, mas acho que farei como a sandra, a partir de uma certa idade dar uma certa quantia por semana ou mês para que ela compre aquilo que achar melhor. É importante que eles comecem a ter essa noção desde cedo.
Beijos e Mil Sorrisos
:o)))

De energia-a-mais a 21 de Outubro de 2009 às 21:53
é isso mesmo! o importante é dar-lhes exemplos e mostrar que confiamos na sua gestão! não quer dizer que o faça já lol! preciso de o treinar antes
beijos grandes

De Leonor a 22 de Outubro de 2009 às 09:16
Não querendo ser chata nem que tenho a mania que sei tudo e como adoro ajudar e nunca tive ninguém que me ajudasse como lidar com estas situações, a minha filha sempre foi rotulada como "menina mal educada" e havia de ser minha filha....eu só digo o que se passou comigo e relato a minha pouca experiência e vou deixar aqui uma sugestão para si Teresa quanto á gestão do dinheiro, que talvez dê resultado. Quando o Rafa pedir por exemplo uma bola, ok filho vamos á loja, sabem o preço e agora que vamos fazer? a mãe não tem dinheiro mas eu vou dar-te todos os dias umas moedinhas que tu vais juntar nesta caixa e quando tiveres o dinheiro todo que bom já podemos comprar a bola, é mais uma sugestão e espero que resulte bjos grandes

De energia-a-mais a 22 de Outubro de 2009 às 10:50
sim, acho uma boa ideia! ter sempre de lhe mostrar as coisas para ele as ver realmente costuma resultar!
beijos grandes Leonor


mais sobre mim
que querem saber?
 
Outubro 2009
D
S
T
Q
Q
S
S

1
2
3

4
5
6
7
8
9
10

11
17

18
20
24

27
29
31


disseram agora
Bem, vou directo ao assunto!!Sexta-feira, recebo u...
Boa tardeAlguem tem um feedback possitivo do curso...
Boa Noite. O Pai da minha filha está no Luxemburgo...
Gostaria de saber se conseguiu resultados com este...
Eu recebi pela primeira vez o abono no final do mê...
Boa tarde ,Inscrevi na semana passada a minha filh...
Obrigada. Espero conseguir. Bjs
Deve receber de facto agora em Janeiro os valores ...
Eu em Julho de facto recebi a 27 no entanto apenas...
Olá Marlene, o abono semestral (se a mãe tiver ren...
links

blogs SAPO


Universidade de Aveiro